Adilson Vital recebe Timóteo Cover e o ex-jogador Mazinho

O vereador Adilson Vital (PV) recebeu em seu Gabinete, na Câmara Municipal, dois visitantes ilustres: Alceu Santana, o famoso cover de Aguinaldo Timóteo e o ex-jogador Mazinho. Timóteo convidou e peidou apoio de Adilson Vital para o show beneficente que irá realizar no próximo mês de dezembro no Instituto dos Cegos Santa Luzia, na Vila Xavier. O parlamentar se sentiu muito honrado em receber os dois em seu Gabinete.

Timóteo é natural de Belo Horizonte (MG) e veio para Araraquara quando seu cunhado Mazinho foi contratado para jogar na Ferroviária. Isso aconteceu em 1975 e, desde então, só saiu de Araraquara para fazer shows e visitar parentes e amigos, tendo nascido aqui sua filha Priscila.

Há cerca de 30  anos Alceu Santana usa Timóteo como nome artístico, pois sua voz é bastante parecida com a do cantor, além disso, sua falecida avó é irmã da mãe do cantor. Timóteo Cover, como é conhecido, já tem dois CDs gravados em estúdio. Com o primo famoso ele chegou a se apresentar uma única vez, em Campinas, na década de 80

Mazinho

Alvimar Eustáquio de Oliveira, o Mazinho, ex-centroavante e tio do zagueiro Cléber, o “Clebão” (que jogou no Atlético Mineiro, Palmeiras, Cruzeiro, Santos e Figueirense), hoje tem residência fixa em Araraquara. Em sua carreira Mazinho passou por vários clubes do país e teve companheiros de altíssimo nível. Começou no Paulista de Jundiaí. Entre 1971 e 1972 jogou ao lado de Pelé, Edu e Clodoaldo na maravilhosa equipe do Santos. Em 1973 atuou no time do Grêmio ao lado de Jair e de Valdir Espinosa (o Marlon Brandon dos técnicos, especialista nas equipes cariocas).

Nos anos de 1974 e 75 Mazinho atuou no Fluminense, ao lado de craques como Gérson, Cafuringa, Carlos Alberto Torres (o capitão do Tri) e Carlos Alberto Pintinho. Nesse mesmo ano, jogou também pelo Santa Cruz, ao lado de Levir Culpi, Lula Pereira, Pio e Nunes.

Passou pelo Bahia em 1978 e finalmente em 1979 estava na Ferroviária de Araraquara, onde encerrou a carreira como jogador e iniciou a de técnico.

Mazinho já foi treinador do Ituano (SP), do Radium de Mococa (SP), do Jaboticabal (SP), do Jalesense (SP), do Mogi Mirim (SP), da Caldense (MG), do Tupã (SP), do Confiança (SE), do Corinthians de Alagoas e dos juniores da Ponte Preta.

Mazinho já trabalhou também como auxiliar técnico de Carlos Alberto Silva no Palmeiras, Cruzeiro e Sport Recife.

José A. Santilli

About Beto Fortunato

Jornalista – Diretor de TV – Editor – Câmera –

Beto Fortunato

Jornalista – Diretor de TV – Editor – Câmera –

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *