Doria e Alckmin fazem jogo de empurra sobre policiamento no Minhocão

Doria e Alckmin fazem jogo de empurra sobre policiamento no Minhocão
Governo estadual cita que o local virou oficialmente um parque e, portanto, sob a guarda da prefeitura

21ABR2017| 8h28 - Guerra de Poderes

As gestões do governador Geraldo Alckmin (PSDB) e do prefeito João Doria (PSDB) fazem um jogo de empurra sobre a responsabilidade pelo policiamento no Minhocão.

O governo estadual, responsável pelas polícias Civil e Militar, afirma ter reforçado o policiamento nas horas em que o local vira área de lazer.

“O comando da área monitora diariamente as ocorrências, e, na medida em que a incidência é analisada e estudada, é providenciado o efetivo adequado para a região”, afirma nota da Secretaria da Segurança Pública.

A pasta cita, no entanto, o fato de o local ter virado oficialmente um parque – sob a guarda da prefeitura. “A responsabilidade de policiamento no local nesses períodos [em que a via está fechada] é da Guarda Municipal Metropolitana”, diz o governo.Questionada, a prefeitura afirmou que a GCM faz rondas diariamente e promete intensificar o patrulhamento.

“Aos finais de semana e feriados, além das rondas, os agentes efetuam paradas temporárias em diversos pontos no local”, afirma a gestão.

A prefeitura afirma também que “ações de policiamento ostensivo e investigações sobre crimes no entorno cabem à polícia”.

A respeito uso do Minhocão para pedestres, a administração Doria diz que o assunto passa por análise técnica.

Qualquer alteração no funcionamento do espaço como área de lazer só “será implementada após diálogos com a população e com o Ministério Público”, diz a gestão tucana.

De acordo com a prefeitura, a eleição do conselho gestor do parque depende da regulamentação da lei que transformou a via em espaço de lazer.

About Beto Fortunato

Jornalista – Diretor de TV – Editor – Câmera –

Beto Fortunato

Jornalista – Diretor de TV – Editor – Câmera –

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *