Justiça ouve testemunhas e suspeitos de morte de embaixador hoje

Justiça ouve testemunhas e suspeitos de morte de embaixador hoje
O corpo da vítima foi encontrado carbonizado dentro de um veículo, no Arco Metropolitano, em Nova Iguaçu, no Rio.

18ABR2017|9h03 - Embaixador

Testemunhas e suspeitos da morte do embaixador grego Kyriakos Amiridis serão ouvidos pela Justiça do Rio de Janeiro nesta terça-feira (18).O corpo da vítima foi encontrado carbonizado dentro de um veículo, no Arco Metropolitano, em Nova Iguaçu, no Rio.

Segundo o G1, vão participar da audiência de instrução e julgamento (AIJ) a mulher de Amiridis, Françoise de Souza Oliveira, o policial militar Sérgio Gomes Moreira, com quem mantinha um relacionamento, e Eduardo Moreira Tedeschi de Melo, sobrinho do PM.

O embaixador foi morto no dia 26 de dezembro do ano passado. O corpo foi encontrado dias depois, carbonizado, em um carro alugado por ele. Os três acusados pela morte do embaixador grego Kyriakos Amiridis tiveram prisão preventiva decretada hoje no dia 23 de janeiro pela Justiça.

O trio irá responder por homicídio duplamente qualificado e ocultação do cadáver. Françoise e Sérgio também são acusados de fraude processual. Na época do crime, relatou o G1, a embaixatriz e Sérgio chegaram a comunicar à polícia o desaparecimento de Kyriakos Amiridis. O PM ainda tentou apagar as imagens do circuito interno do condomínio.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor - Câmera -

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor - Câmera -

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *