Ministro disse que zika pode criar uma geração de sequelados

Ministro disse que zika pode criar uma geração de sequelados

Ministro diz que vai torcer para as mulheres pegarem zika antes da idade fértil

O Brasil nem começou a pesquisar uma vacina contra o zika vírus e o ministro da Saúde já fez uma declaração polêmica, que ganhou repercussão nesta quinta-feira (14).

Marcelo Castro declarou ao jornal ‘O Globo’, que iria torcer para as mulheres pegarem o vírus antes da idade fértil.

“Não vamos dar vacina para 200 milhões de brasileiros. Nós vamos dar para as pessoas em período fértil. E vamos torcer para que as pessoas antes de entrar no período fértil peguem a zika, para elas ficarem imunizadas pelo próprio mosquito. Aí não precisa da vacina”, disse.

O ministro disse ainda que o zika vírus pode criar uma geração de sequelados, que o problema é alarmante e que a população precisa se engajar no combate ao mosquito.

Castro também disse que o Ministério da Saúde vai treinar pais e especialistas para lidar com a microcefalia. A recomendação é que, em caso de suspeita da doença, antes mesmo dos exames, os pais já sejam encaminhados para os serviços especializados na estimulação de crianças.

Segundo o site G1, em alguns estados a confirmação da doença pode levar meses. Por isso, o Ministério da Saúde recomenda que, se houver suspeita,  os pais não esperem pelos exames, procurem logo os serviços de saúde.

Noticias Em Minuto

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor - Câmera -

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor - Câmera -

Um comentário em “Ministro disse que zika pode criar uma geração de sequelados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *