Com 253 anos de prisão, Beira-Mar responderá por mais crimes

Com 253 anos de prisão, Beira-Mar responderá por mais crimes

De acordo com a denúncia da promotora Cláudia das Graças Mattos de Oliveira Portocarrero, Beira-Mar é acusado de ser chefe do tráfico na comunidade Vila Sapê, em Imbariê, em Duque de Caxias

Um dos mais conhecidos traficantes do Brasil, o Fernandinho Beira-Mar, tornou-se réu em mais um processo na justiça.

Com 253 anos e seis meses de prisão em condenações, Luiz Fernando da Costa pode ser condenado por associação ao tráfico. De acordo com a denúncia da promotora Cláudia das Graças Mattos de Oliveira Portocarrero, Beira-Mar é acusado de ser chefe do tráfico na comunidade Vila Sapê, em Imbariê, em Duque de Caxias. A juíza Amália Regina Pinto, da 3ª Vara Criminal de Caxias, aceitou denúncia do Ministério Público estadual contra o criminoso.

Ainda segundo o MP, o responsável por repassar as ordens do chefe é Jorge Ribeiro, o Zidane, gerente-geral do tráfico na Vila do Sapê e em Parada Angélica, em Caxias. Ele também é acusado no processo.

Segundo informações do Extra, outros seis criminosos foram denunciados pelo MP por fazerem parte do tráfico na Vila do Sapê. São eles Kevin Pimenta Buoery, o Russo, Reginaldo Bruno Moraes de Oliveira, o RB, Bruno Souza de Lima, B1, Bruno Oliveira Reis, David dos Santos da Silva e Samuel Davi do Nascimento de Matos.

Notícias em Minuto

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *