A voz do surdo em Araraquara

A voz do surdo em Araraquara
‘Setembro Azul’ passa ser comemorado anualmente com campanha de conscientização aos direitos das pessoas surdas

31AGO2017|  7:18 - THÉO BRATAFISCH

Vereadores votaram por unanimidade, durante a 32ª Sessão Ordinária de 2017, no dia 29 de agosto, a Lei Municipal que institui e inclui no Calendário Oficial de Eventos do Município a ‘Campanha de Conscientização aos Direitos das Pessoas Surdas – Setembro Azul’, a ser realizada anualmente no mês referido, no município de Araraquara.

O projeto de Lei de iniciativa do vereador Elias Chediek, virá promover ações, medidas e programas dos órgãos públicos, de direito, destinados às pessoas com deficiências, em especial às pessoas surdas ou com deficiência auditiva, como também, incentivar iniciativas de instituições e entidades representativas para a Comunidade Surda de Araraquara e região. Abrange o Dia Mundial das Línguas de Sinais, em 10 de Setembro, o Dia Nacional da Pessoa Surda, em 26 de Setembro e o Dia Internacional da Pessoa Surda, em 30 de Setembro.

 A expressão ‘surdo-mudo’ é a mais antiga e inadequada denominação atribuída ao surdo que ainda é utilizada em certas áreas e divulgada nos meios de comunicação. O fato de uma pessoa ser surda não significa que ela seja muda, a mudez significa que a pessoa não emite sons vocais. As pessoas surdas possuem o aparelho fonador e se treinadas algumas podem chegar a falar com voz ou oralizar, além disso, essa mesma expressão supõe que o surdo não tem o órgão língua o que não é correto. As pessoas surdas se comunicam através da língua de sinais dos surdos que é a Libras. O termo correto então passa a ser SURDO(A) porque representa adequadamente a real situação das pessoas surdas.

A campanha ‘Setembro Azul’ deverá ser promovida com reuniões, palestras, seminários, apresentações teatrais, passeatas, audiências públicas, exposições, festas ou outros eventos, incentivando-se que sejam iluminadas na cor azul as sedes dos poderes Executivo e Legislativo, Órgãos Públicos, Entidades e Instituições, setores do Poder Judiciário destinados à Proteção das Pessoas com Deficiência que tenham Sedes no município.

 Contudo a campanha ‘Setembro Azul’, virá dar publicidade e divulgar a Lei Municipal de Acessibilidade dos Surdos ‘Empresa Amiga do Surdo’ – Lei Municipal n° 8.778 de 31 de Agosto de 2016, que incentiva o atendimento público com intérprete de Libras – Língua Brasileira de Sinais, por empresas de modo geral, públicas e privadas, também de autoria do vereador.

 Na ocasião, estiveram presentes na Câmara Municipal, a dra. Gislaine Cristina Gomes Figueira, presidente das Comissões da OAB, de Responsabilidade Social e da Pessoa com Deficiência, acompanhada da instrutora de Libras, Vilma Schiavinato, representando o Instituto Idioma Surdo.

Cerimônia Fundacional do Instituto Idioma Surdo

 O Instituto Idioma Surdo será um ponto de cultura da comunidade surda e tem por objetivo praticar e difundir estudos da Língua Brasileira de Sinais – Libras e da Língua Portuguesa, para promover a interação entre surdos, deficientes auditivos e ouvintes. Por finalidade, vai auxiliar o Centro Regional de Reabilitação de Araraquara com prestação de serviços e suporte para aquisição de aparelhos auditivos a serem distribuídos gratuitamente à população regional. Estima-se que a comunidade surda da região de Araraquara seja de 30 mil pessoas, que inclui pessoas surdas, deficientes auditivos e familiares cuidadores parentais.

A Cerimônia Fundacional do Instituto Idioma Surdo, à quem possa interessar, será no dia 13 de setembro de 2017, quarta-feira, com realização da assembleia fundacional, convocada das 10 às 11 horas, para eleição e posse dos seus membros conforme rege o estatuto fundacional. Das 19h30 às 21 horas acontece o 1° Fórum Jurídico da Pessoa Surda, promovido pelo Instituto Idioma Surdo com apoio institucional de responsabilidade social da Ordem dos Advogados do Brasil, 5ª Subseção OAB Araraquara, terá a participação de reconhecidos especialistas em suas áreas de atuação, que atuam no Terceiro Setor e Órgãos Públicos, que se relacionam diretamente às medidas protetivas aos direitos das pessoas com deficiência e pessoas surdas. Será amplamente divulgada a programação do evento. A OAB Araraquara fica na rua Voluntários da Pátria, n° 1907, centro.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *