Apenas em 2017, 22 pessoas morreram de gripe no Distrito Federal

Apenas em 2017, 22 pessoas morreram de gripe no Distrito Federal
Atendimentos em emergências da rede pública aumentaram aproximadamente 40%

19JUL2017|  11:11 - BRASIL

O Ministério da Saúde informou que 22 pessoas morreram por síndrome respiratória aguda grave (SRAG) – uma complicação da gripe – no Distrito Federal.

De acordo com o ‘Correio Braziliense’, os atendimentos em emergências da rede pública aumentaram aproximadamente 40% com a época de temperaturas mais baixas.

O boletim do Ministério da Saúde ressalta que as secretarias devem fornecer a hospitais públicos e privados o Protocolo de Tratamento de Influenza. “(Os gestores devem) notificar e tratar todos os casos e óbitos suspeitos que atendam a definição de caso de SRAG, independentemente de coleta ou resultado laboratorial”, diz o informe.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *