Apenas uma de cada cinco obras de Saúde no PAC é concluída

Apenas uma de cada cinco obras de Saúde no PAC é concluída  
CFM informa que são 13.792 obras previstas, das quais 2.880 (20,9%) estão prontas
10:04| 12/06/2016
PAC

A cada cinco obras na área de saúde do Programa de Aceleração de Crescimento, apenas uma foi terminada. É o que conclui o Conselho Federal de Medicina (CFM), com dados do governo ao portal “dados.gov.br”, em levantamento do período de 2011 a junho de 2015.

Segundo informações do O Globo, o CFM informa que são 13.792 obras previstas, das quais 2.880 (20,9%) estão prontas, incluindo Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs). O estudo conclui também que parte das obras ainda não saiu do papel. É o caso de 1.055 delas, ou 7,6% do total. Outras 9.857 (71,5%) estavam em andamento. Entre as UBSs, a situação é melhor: das 13.238 previstas, 2.830 foram concluídas (21,4%). Entre as UPAs, que são unidades mais complexas que as UBSs, os números são piores. Das 554 previstas, apenas 50 (9%) estavam prontas.

O vice-presidente do CFM, Jecé Freita Brandão, avalia a situação. “É fundamental que essas unidades básicas estejam abertas e funcionando, porque dor e sofrimento não marcam hora. É um escândalo. As unidades básicas são como consultórios de atendimento. E a unidade de pronto atendimento já é mais aparelhada, onde faz um atendimento de um adoecimento mais intenso, mais intensivo. Eles prometeram no Brasil inteiro 13,7 mil unidades desse tipo e entregaram 2,8 mil. É uma tragédia”, conclui.

Noticias

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *