Após delação, Janot deve rejeitar abertura de inquérito sobre Temer

Após delação, Janot deve rejeitar abertura de inquérito sobre Temer
Sérgio Machado, ex-presidente da Transpetro, diz que presidente interino pediu dinheiro para campanha de Chalita
7:42| 16/06/2016
PGR

A Procuradoria-Geral de República ainda vai estudar se cabe ou não solicitar abertrua de inquérito para investigar denúncia contra o presidente interino Michel Temer, após divulgação de trechos da delação premiada do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado. Segundo o jornal O Globo desta quinta-feira (16), a tendência é que o procurador-geral, Rodrigo Janot, deixe a investigação para depois da saída de Temer da presidência.

Segundo a delação,Temer pediu propina para a campanha de Gabriel Chalita. Pela Constituição, o presidente da República não pode ser investigado ou processado por ato anterior ao mandato em vigor. Sobre Temer, os fatos são relativos às eleições de 2012. Temer foi reeleito vice-presidente na chapa de Dilma Rousseff em 2014.

Durante a Operação Lava Jato, Janot negou abertura de inquérito contra Dilma quando o empresário Paulo Roberto Costa disse ter dado dinheiro à campanha dela comajuda do ex-ministro Antônio Palloci. O procurador entendeu que os fatos eram “estranhos ao exercício das funções” da presidente.

Noticias

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *