Belchior morre aos 70 anos no Rio Grande do Sul

Belchior morre aos 70 anos no Rio Grande do Sul
Cantor e compositor foi um dos primeiros cantores nordestinos de MPB a alçar sucesso nacional

30ABR2017| 11h50 - Belchior

O cantor e compositor Belchior morreu na noite deste sábado (29), aos 70 anos, em Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul. A morte, cuja causa ainda não divulgada, foi confirmada por familiares ao jornal cearense O Povo. Em nota, o governador do Ceará, Camilo Santana, decretou luto oficial de três dias no estado.

“O povo cearense enaltece sua história, agradece imensamente por tudo que fez e pelo legado que deixa para a arte do nosso Ceará. Que Deus conforte a família, amigos e fãs de Belchior”, escreveu em post no Facebook.

As informações preliminares são de que o corpo do cantor e compositor será levado ao Ceará ainda nesta tarde e o sepultamento ocorrerá em Sobral, cidade em que o artista nasceu.

 Nascido em 26 de outubro de 1946,  Antônio Carlos Gomes Belchior Fontenelle Fernandes tem 23 discos lançados. Uma da canções de maior sucesso foi ” Como nossos pais”, regravada por grandes nomes da música nacional como Elis Regina. Outro hit do artista foi “Paralelas”, gravado por Vanusa.

O cantor e compositor foi um dos primeiros nomes do Nordeste a alçar fama nacional no cenário da MPB, nos anos 1970. Ano passado, a Universal Music relançou uma caixa comemorativa aos 70 anos do artista, intitulada “Três tons de Belchior”.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *