Câmara adere ao programa ‘Câmera Cidadã’

Câmara adere ao programa ‘Câmera Cidadã’

Objetivo do presidente da Casa de Leis, Aluísio Boi, é fortalecer a segurança da população


A Câmara Municipal de Araraquara agora também integra o programa Câmera Cidadã, uma rede colaborativa com a finalidade de ampliar, de forma significativa, o sistema de monitoramento e vigilância da cidade, somando câmeras residenciais, do comércio e entidades às públicas já instaladas pelo Executivo.

O termo de adesão foi assinado na tarde desta segunda-feira (12) pelo presidente do Legislativo, vereador Aluísio Boi (MDB), e pela vice-presidente, vereadora Thainara Faria (PT), após reunião com o gerente de programas, Magal Verri, e o guarda civil municipal, Danilo Soler, no gabinete da presidência.

As imagens captadas pelas câmeras externas instaladas no prédio da Câmara Municipal serão compartilhadas com o Centro de Monitoramento da Guarda Civil Municipal e com as polícias Civil e Militar, através do Sistema Detecta.

“A Lei que instituiu esse programa foi aprovada pelos nossos pares, e hoje, temos a honra de poder colaborar ainda mais com a segurança da cidade, uma vez que esses equipamentos de filmagem ficam em uma região central e de muito movimento da cidade, e serão de grande valia, pois através de sistema remoto das gravações, as autoridades dos setores de segurança pública terão acesso on-line às informações”, lembrou Boi.

O programa já em vigor, de acordo com Verri e Soler, tem apresentado ótimos resultados com apoio à polícia em ocorrências de tráfico de drogas, homicídios, furtos, com a identificação de placas de veículos furtados e roubados e muitos outros.

Thainara foi informada que esse compartilhamento das imagens já vem contribuindo com as investigações de forma a prevenir e identificar rapidamente os delitos e seus autores. “É ótimo saber que eles estão 24 horas ligados em tudo o que acontece em nossa cidade. Se a Câmara pode dar sua contribuição, fazemos questão de participar. Fomos convidados e, assim que a situação permitir, vamos conhecer de perto as instalações do Centro de Monitoramento da Guarda Civil Municipal.”

Programa Câmera Cidadão de Araraquara

Araraquara está montando uma grande rede e integrando a cidade para aumentar a segurança pública, com tecnologia, uma poderosa aliada, que contribui na prevenção de crimes e de outras infrações.

Hoje, Araraquara conta com 1.100 câmeras monitorando 196 próprios públicos, somadas a 240 de particulares participantes do programa, mais 35 da Prefeitura, distribuídas em pontos estratégicos do município, cujo objetivo é somar esforços, gerando proteção da coletividade em geral.

Como fazer parte do Câmera Cidadã?

Para se cadastrar, o cidadão interessado deve preencher formulário no térreo da Prefeitura ou no site www.araraquara.sp.gov.br e aguardar contato da Secretaria de Cooperação dos Assuntos de Segurança Pública para agendamento de uma avaliação técnica. A avaliação sendo positiva, o morador receberá as instruções para se inscrever no programa ‘Câmera Cidadã’.

“Gostaria de solicitar que aqueles moradores que têm as câmeras de suas residências voltadas para a rua aderissem ao programa, para, com isso, multiplicar a vigilância na cidade e proporcionando um aumento na eficiência da solução de crimes. Eu fui informado, por exemplo, que no caso do homicídio do motorista de aplicativo, ocorrido no dia 19 de março, o criminoso foi identificado pelo sistema e o caso resolvido de imediato”, pontuou Boi.

| IDNews® | Brasil | Assessoria de Imprensa | Câmara Municipal de Araraquara

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *