Câmara de Araraquara celebra Dia Municipal do Maçom

Câmara de Araraquara celebra Dia Municipal do Maçom  
Solenidade marcou a abertura da XXXIII Semana Maçônica de Araraquara e Região

8:31| 19/08/2016
Maçonaria

Com a proximidade do Dia Municipal do Maçom, comemorado em 20 de agosto, a Câmara realizou nesta quinta-feira (18), uma solenidade reunindo membros de diversas lojas maçônicas de Araraquara.

A mesa contou com a presença do vereador Doutor Lapena, representando a Câmara, além de Helio Kalil da Cunha, presidente do Comara (Conselho de Veneráveis Mestres da Maçonaria de Araraquara e Região), Carlos Alberto Bortolli, presidente da comissão organizadora da Semana Maçônica e Arthur Rodrigues Galli, mestre conselheiro do Capítulo Araraquara da Ordem Demolay.

O evento foi aberto por Eli Schiavi, representante da Augusta e Respeitável Loja Simbólica Justiça e Tolerância (ARLS), com explicações sobre a data e de alguns valores da maçonaria – como igualdade, fraternidade e liberdade.

“Apesar de ser uma solenidade, somos uma família. Esse momento é muito importante porque estamos vivendo uma crise ética e moral no país. Como maçons, devemos assumir ainda mais nosso papel na sociedade”, afirmou o vereador Doutor Lapena.

Para Carlos Alberto Bortolli, a homenagem da Câmara foi um reconhecimento ao trabalho que a maçonaria desenvolve de forma discreta e sem muito alarde. “A maçonaria tem por norma a retidão, a justiça, a moral, o caráter; e nós pregamos e estudamos tudo isso. O que vemos atualmente é um total desrespeito à população pela maioria dos nossos políticos. A maçonaria tem uma grande missão de colocar esse país nos trilhos novamente, mostrando que ser honesto não é demérito, e sim, uma obrigação do ser humano”, completou.

A solenidade deu início às comemorações da XXXIII Semana Maçônica de Araraquara e Região. A programação ainda prevê uma abertura solene no Teatro Municipal às 19h30 na terça-feira (23), Palestra Maçônica às 20h na quarta-feira (24) e também Jantar Dançante no sábado (27) às 21h.

Maçonaria

De origem francesa (maçonnerie), o termo significa construção. Por extensão, seu significado é associação de pedreiros. Isso porque os primeiros maçons eram os construtores, arquitetos, engenheiros e empreiteiros na Idade Média. Em sua origem, a Maçonaria era uma sociedade secreta vinculada às ideias do laicismo humanitário e liberal do Iluminismo.

A Grande Loja de Maçonaria foi criada na Inglaterra em 1717, unindo quatro lojas londrinas. O líder eleito era o grão-mestre. Aberta a todos as crenças religiosas, a Maçonaria rapidamente ganhou o mundo. Estima-se que hoje haja cerca de seis milhões de maçons. No Brasil, são 400 mil maçons distribuídos por mais de cinco mil lojas. Em Araraquara, a primeira loja maçônica foi implantada há 100 anos.

IDNews-Usa_Portal

 

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.