Ceni quer restaurar confiança para tirar São Paulo da zona da degola

Ceni quer restaurar confiança para tirar São Paulo da zona da degola
No próximo domingo, o São Paulo vai até o estádio da Vila Belmiro para o clássico contra o Santos

03JUL2017|  8h28 - FUTEBOL

O São Paulo tem uma semana livre de treinos para superar o abatimento depois da queda para a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro e colocar a cabeça no lugar. Incomodado com a má fase, o técnico Rogério Ceni sabe que apenas uma vitória na próxima rodada terá o poder de restaurar a confiança do grupo.

 “Ganhando jogos, não tem jeito. Temos de seguir trabalhando, fazendo a equipe se tornar cada vez mais forte dentro de campo e mentalmente”, afirmou. O treinador reconheceu também que a responsabilidade está cada vez maior. “Uma pontuação baixa atrapalha, o jogador entra mais pressionado. E ainda pegamos uma sequência de dois jogos fora de casa, contra o Flamengo e Santos”.

No próximo domingo, o São Paulo vai até o estádio da Vila Belmiro, em Santos, para o clássico contra o Santos. Além da má fase, terá de superar o retrospecto ruim como visitante no Brasileirão: um empate e cinco derrotas. O último tropeço ocorreu no Rio com a derrota por 2 a 0 para o Flamengo, neste final de semana.

No momento de dificuldade, o zagueiro Rodrigo Caio tem assumido a palavra em nome do elenco. “A gente precisa lamber as feridas e tentar mudar de alguma forma essa situação. As únicas pessoas que podem mudar isso somos nós, devemos colocar a cabeça no travesseiro e saber que temos de dar um pouco mais, nos aplicar, correr mais para sair dessa situação. Só nós, jogadores, podemos reverter tudo isso”, enfatizou.

O jogador pede reflexão dos companheiros para que o grupo encontre o caminho para sair da crise. “A gente precisa procurar forças na gente, colocar a cabeça no lugar, encontrar o que está errado e cada um descobrir o que precisa fazer mais pela equipe. A situação é difícil e a hora é de mostrar que somos um elenco forte e unido. Em momentos difíceis, tudo interfere. A falta de confiança é nítida pela derrota pelos resultados negativos. A única forma disso acabar é uma vitória, que nos deixará respirar. Precisamos nos dedicar mais. Falta confiança para nós”.

E Rodrigo Caio reconhece que é preciso agir rápido para evitar sufoco na sequência do Brasileirão. “Não podemos deixar tudo para o fim. Estamos no primeiro turno, tem muito campeonato, mas precisamos vencer logo. Teremos a semana toda para corrigir os erros. Falar qualquer coisa diferente disso será desculpa”, finalizou.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *