‘Centrão’ e PMDB querem o controle da Câmara

‘Centrão’ e PMDB querem o controle da Câmara    
O “centrão” foi crucial para o afastamento de Dilma Rousseff da Presidência e tem forte ligação com Cunha
7:35| 26/06/2016
Controle da Câmara

Está bastante próximo o fim da novela que afastará formalmente Eduardo Cunha (PMDB-RJ), da presidência da Câmara. No entanto, o bloco conhecido como “centrão”, formado por partidos que tem o PMDB como maior integrante, querem manter o controle da casa nos próximos tempos.

De acordo com a publicação da coluna Poder, da Folha de S. Paulo, a próxima eleição para presidência da Câmara, com mandato “tapa-buraco” até o dia 1º de fevereiro de 2017, deve sofrer influência direta do processo de afastamento de Cunha.

Pouco mais de uma dezena de deputados são cotados para o mandato-tampão, a maioria deles do “centrão” (PP, PR, PSD, PTB, PRB e outras siglas menores), que reúne pouco mais de 200 dos 513 deputados. O “centrão” foi crucial para o afastamento de Dilma Rousseff da Presidência e tem forte ligação com Cunha.

Noticias

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *