Cidade de Santa Lúcia realiza I Fórum de Políticas Sobre Drogas

Cidade de Santa Lúcia realiza I Fórum de Políticas Sobre Drogas
A Ativação do COMAD e a criação do Plano Municipal de Prevenção ao uso de Álcool e Drogas estão entre as propostas discutidas no encontro

 26AGO2017|  7:57 - PAULA CARDOSO - Foto: Paula Cardoso

A cidade de Santa Lúcia reuniu na tarde da quinta feira (24), na sede do Departamento da Educação, sociedade civil e profissionais da rede pública para discutir políticas sobre drogas. A temática foi abordada durante o I Fórum de Políticas Sobre Álcool e Drogas.

O prefeito Luizinho Noli (PR), o vice Zé Treviso e a secretária da Educação, Cultura e Esporte Marina Carla Ozias recepcionaram os convidados junto de autoridades locais, como o vereador Milton Cerqueira Leite, representando a Câmara de Santa Lúcia e Alcindo Sabino, Secretário da Participação Popular de Araraquara, que representou o prefeito Edinho Silva no ato.

Para Luizinho, “essa discussão não podia ser adiada. É um problema que assola a nossa sociedade, especialmente, os nossos jovens. Temos o compromisso de mostrar que as drogas levam para um caminho fim, quase que sem volta” enfatizou.

De acordo com Marina, “precisamos de todos para que as ações e políticas sobre drogas sejam realidade em nosso município. Juntos somos mais fortes e vamos conseguir chegar em um denominar comum e satisfatório, que envolva os nossos alunos, mas também a nossa sociedade”, disse.

As discussões

Os participantes discutiram ações sob a perspectivas de quatro eixos: Prevenção, Cuidado, Autoridade e Reinserção Social. As ideias e conclusões de cada grupo foram expostas para todos os participantes e foram encaminhadas ao Poder Público, que fará um levantamento das possibilidades de colocar em prática.

Entre as propostas selecionadas no Fórum estão: a ativação do Conselho Municipal de Políticas Sobre Álcool e Outras Drogas – COMAD, a criação do Plano Municipal de Prevenção ao uso de Álcool e Drogas, implantação de projetos voltados à adolescentes em vulnerabilidade, entre outras.

Para o palestrante do Fórum e diretor da MWSERVINO, Marcio Servino, a inciativa da Prefeitura de Santa Lúcia foi um exemplo aos demais municípios. “São poucas prefeituras que entendem a importância de fazer essa discussão e tê-la como prioridade. O Luizinho está de parabéns por participar e incentivar as ações no município”, afirmou.

Antes do Fórum, foram realizadas outras etapas de discussão na cidade. De acordo com dados do Departamento da Educação, foram capacitados professores, pais de alunos e aproximadamente mil alunos das escolas do município.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *