Dilma e Temer discordam sobre sigilo de carta polêmica

Dilma e Temer discordam sobre sigilo de carta polêmica

Equipe de Temer concordou em disponibilizar cópia integral da carta, já a equipe de Dilma alegou que uma correspondência é sigilosa

As divergências entre a presidente Dilma Rousseff e o vice Michel Temer não são segredo para ninguém. A Folha de S. Paulo revela que os dois têm opiniões diferentes até sobre o sigilo da carta em que o peemedebista enviou à Dilma, reclamando da falta de confiança.

A reportagem solicitou cópia da carta, via Lei de Acesso à Informação, à Presidência e à Vice-Presidência da República.

A equipe de Temer forneceu cópia integral da correspondência. Já a Presidência alegou que a Constituição afirma ser “inviolável o sigilo da correspondência”.

A Secretaria de Comunicação Social, responsável pela resposta, não referiu a classificação do documento: se reservado, secreto ou ultrassecreto.

Quando a carta foi enviada, aliados de Temer disseram que o Planalto foi o responsável pelo vazamento. O órgão negou. Na época, a correspondência foi divulgada pela imprensa no mesmo dia.

Como recorda a Folha, petistas consideraram que a carta era um aceno de Temer ao impeachment.

A presidente e o vice tentam agora uma aproximação, sugerida pelo ex-presidente Lula. Dilma está buscando dar maior protagonismo ao vice.

A Folha refere ainda que aquela não foi a primeira carta que Temer enviou a Dilma. Houve outra correspondência, de junho do ano passado, em que o peemedebista defendeu a sanção a uma das alterações à Medida Provisória 668.

A MP incluía em regime especial de tributação construtoras que vendem imóveis prontos pelo Minha Casa Minha Vida. O pedido foi atendido. Menos formal, a carta começava com um singelo “Presidente Dilma” e não teve numeração oficial.

Notícias em Minuto

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *