Edna vai restabelecer acolhimento da mulher vítima de violência

Edna vai restabelecer acolhimento da mulher vítima de violência
A candidata tem propostas de parcerias com as instituições de segurança e do Judiciário do município para enfrentar a violência doméstica e fiscalizar o cumprimento da Lei Maria da Penha

18.44| 17SET2016
Edna Martins

A candidata à Prefeitura de Araraquara, Edna Martins, tem sua biografia marcada pela defesa dos direitos das mulheres. Sua proposta de governo combate a desigualdade entre homens e mulheres como uma das condições para o pleno desenvolvimento social do município.

“Vamos fazer um governo de respeito às pessoas. Isso significa garantir a todos os cidadãos o acesso aos direitos que permitirão transformar suas vidas próprias para melhor”, resume a candidata Edna Martins.

Apoiada pela coligação Nossa Morada (PSDB, PSD, PTB, PPS e PSC), que tem como candidato a vice-prefeito o engenheiro Coca Ferraz, o projeto de governo restabelece e aprimora o protocolo de atendimento da mulher vítima de violência em Araraquara, em consonância com a Lei Maria da Penha.

Edna Martins vai municiar o Centro de Referência da Mulher com profissionais de carreira de assistência jurídica, social e psicológica; proteger os locais de acolhimento e buscar apoio federal para uma unidade móvel de atendimento à mulher.

A candidata tem propostas de parcerias com as instituições de segurança e do Judiciário do município para enfrentar a violência doméstica e fiscalizar o cumprimento da Lei Maria da Penha. Edna Martins quer fortalecer o Conselho da Mulher e qualificar os servidores para atendimento da violência doméstica.

O plano de Edna Martins cria o programa “Empreendedora Araraquarense” para capacitação gerencial e orientação financeira. Seu propósito é dar maior autonomia à mulher. Além disso, a candidata defende a elaboração democrática, ouvindo a sociedade, do Plano Municipal de Políticas para as Mulheres e a regulamentação da Lei do Parto Humanizado.

LGBT – A proposta de Direitos Humanos de Edna Martins também contempla os direitos da comunidade LGBT. Cria uma equipe de saúde especializada; lança campanhas por uma cultura de aceitação no ambiente de trabalho; lança a Coordenadoria LGBT e capacita os servidores para tratar dos temas mais sensíveis à comunidade visando garantir os direitos e a integridade de todos os cidadãos.

Juventude – A juventude, presente e futuro da cidade, também terá voz ativa no governo Edna Martins. Sua proposta cria a Escola Cidadã, programa que abrange cultura, esporte, ciência e profissionalização. Serão montados centros voltados à difusão do conhecimento científico, tecnológico e de cidadania.

O programa de governo de Edna Martins para a juventude incentiva as atividades artísticas e culturais; garante espaços para essas ações a fim de que a juventude ocupe as praças, parques e ruas da cidade com segurança e alternativas de lazer e esporte.

IDNews-Usa_Portal

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *