Eike deixa Bangu para cumprir prisão domiciliar em mansão no Rio

Eike deixa Bangu para cumprir prisão domiciliar em mansão no Rio
Decisão foi assinada pelo juiz Gustavo Arruda Macedo, atendendo à liminar do ministro do STF Gilmar Mendes, emitida nesta sexta

30ABR2017| 11h56 - Eike - Prisão Domiciliar

O empresário Eike Batista deixou o Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, na zona oeste do Rio, por volta das 9h25 deste domingo (30), de acordo com transmissão da Globo News. O magnata conseguiu um habeas corpus do Supremo Tribunal Federal (STF) e vai cumprir prisão domiciliar em sua mansão, no Jardim Botânico, na zona sul do Rio.

Antes, de ir para a casa, Eike será submetido a um exame de corpo de delito no IML (Instituto Médico Legal).

A prisão domiciliar inclui a vistoria da Polícia Federal em casa sem aviso prévio, afastamento das empresas nas quais é sócio e entrega do passaporte, entre outras medidas cautelares.

A decisão foi assinada pelo juiz Gustavo Arruda Macedo, atendendo à liminar do ministro do STF Gilmar Mendes, emitida nesta sexta-feira (28).

Eike teve a prisão preventiva decretada em janeiro deste ano. Ele está sendo investigado por suposto pagamento de US$ 16,5 milhões (ou R$ 52 milhões) em propinas ao ex-governador do Rio Sérgio Cabral em troca de contratos com o governo do estado.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *