Ex-prefeito ironiza denúncia do Le Monde sobre Rio 2016 ‘Recalque’

Ex-prefeito ironiza denúncia do Le Monde sobre Rio 2016 ‘Recalque’
Eduardo Paes comentou a denúncia do jornal francês sobre a escolha do Rio de Janeiro como sede dos Jogos Olímpicos

 06MAR2017|8:12
 Eduardo Paes

Eduardo Paes, ex-prefeito do Rio de Janeiro, ironizou a denúncia feita pelo jornal francês Le Monde sobre um suposto pagamento de propina para a escolha da capital fluminense como sede dos Jogos Olímpicos de 2016. O Comitê Organizador Rio 2016 negou qualquer irregularidade na eleição e colocou à disposição o material de campanha para análise.

“Sem sentido, né? Acho que o Comitê Organizador respondeu bem. Enfim, tem ali uma coisa de um recalque de Paris”, declarou à rádio Band News FM Eduardo Paes, que está morando em Nova Iorque com a família, mas veio ao Brasil neste fim de semana para acompanhar a escola de samba Portela no Desfile das Campeãs.

A reportagem do Le Monde disse que o empresário brasileiro Arthur Soares, ligado ao ex-governador Sérgio Cabral, pagou US$ 1,5 milhão ao senegalês Papa Diack, filho do ex-presidente da Federação Internacional de Atletismo e membro do comitê que escolheu a cidade sede da última edição dos Jogos

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *