Jornal pró-Doria tem anúncio da prefeitura e dono faz ato para tucano

Jornal pró-Doria tem anúncio da prefeitura e dono faz ato para tucano
     O ato pró-Doria no Rio Pequeno (zona oeste de SP) foi organizado por um líder comunitário do bairro

8:26 |IDNews/Folhapress/Via Notícias ao Minuto | 2018SET28  |

“Aqui é tudo pessoal meu”, disse o suplente de vereador Beto do Social (PSDB) para um homem da equipe de João Doria (PSDB), na terça-feira (25).

Em poucos minutos, o candidato ao governo estadual desceria de seu carro e seria cercado por cabos eleitorais com bandeiras, cantando o nome do tucano e o de Beto do Social.

O ato pró-Doria no Rio Pequeno (zona oeste de SP) foi organizado pelo suplente, um líder comunitário do bairro. A preparação feita por ele incluiu do público ao roteiro, com passagem por comércios estabelecidos com antecedência.Na capital, onde é grande a rejeição ao ex-prefeito, a equipe do candidato tem tomado precauções extras para blindar Doria de situações constrangedoras em plena campanha -como o protesto de alguém incomodado com o fato de o tucano ter abandonado a prefeitura para disputar o governo, por exemplo.

Na terça, tudo correu como o previsto. O candidato conversou com comerciantes no caminho, passou por uma loja de bolos, visitou uma creche e foi a um posto de gasolina.

Nos gritos dos cabos eleitorais, o nome de Beto chegou a ser mais frequente que o de Doria. Além de suplente que obteve mais 21 mil votos na capital em 2016, ele também consta no site da Receita Federal como sócio do jornal de bairro Oeste News.

O veículo de comunicação, que cobriu o evento, recebeu anúncios da prefeitura em 2017, quando Doria era prefeito, e em 2018. O total pago, R$ 13 mil, é compatível com o que receberam outros jornais de bairro no período.

Beto diz que o valor dos anúncios “não paga nem o jornalista”. Por isso, não vê qualquer conflito de interesse. Inicialmente, ele admitiu que era dono do jornal e, depois, disse que havia tirado o veículo de seu nome antes de ser eleito suplente. “Não sei como é que tá na contabilidade”, diz, embora o cartão entregue à reportagem ainda tenha o logotipo do veículo e o editorial seja assinado por ele.

Além das ações do próprio Beto -havia 37 fotos com ele na edição de julho, com 12 páginas-, o jornal costuma divulgar notícias positivas sobre a gestão tucana na capital. Na última edição, uma matéria trazia uma foto do prefeito Bruno Covas (PSDB), com o título “Prefeitura torna a cidade de São Paulo mais inclusiva”.

Devido à influência na região, Beto diz que é chamado “uma vez ou outra” guiar políticos pelo bairro. “Fui chamado hoje e nas prévias do Doria. Estive com ele três vezes na região”, afirma. “[Na terça] havia umas 400 pessoas lá, no mínimo”.

Algumas pessoas reunidas pelo suplente gravaram depoimentos elogiando Doria, que foram divulgados nas redes sociais do candidato. Entre os que aparecem, está a filha de Beto. “João trabalhador, entendeu? Tá aqui vestindo a camisa do povo e o meu voto é dele”, diz a moça no vídeo.

A equipe de campanha do ex-prefeito afirmou que “todo apoio é bem-vindo” e que não pode avaliar em quais veículos a prefeitura anuncia.

Já a prefeitura afirmou que o jornal é um de 138 que receberam anúncios da campanha publicitária “SP pra VC”. Diz ainda que não cabe verificar comportamento político de proprietários, mas apenas se tem leitores, pratica preços de mercado e publica o anúncio. Com informações da Folhapress.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *