Kassab e Haddad gastaram R$ 5,5 milhões em obra ‘fantasma’ de viaduto

Kassab e Haddad gastaram R$ 5,5 milhões em obra ‘fantasma’ de viaduto
Na prática, apenas 5%do trabalho previsto foi executado

07AGO2017|  9:06 - SÃO PAULO

A prefeitura de São Paulo, quando estava sob a administração de Gilberto Kassab (hoje no PSD) e Fernando Haddad (PT), gastou R$ 5,5 milhões em uma reforma “fantasma” no viaduto Alcântara Machado. Na prática, a obra não foi executada.

Apenas 5% do trabalho previsto foi de fato concretizado, em uma obra que durou 480 dias. De acordo com a ‘Folha de S. Paulo’, uma pintura foi realizada em determinados trechos do local para disfarçar.

Duas investigações foram feitas em relação a obra: uma primeira, em dezembro de 2016, pela Controladoria Geral do Município, e outra neste ano, sob responsabilidade do Tribunal de Contas do Município.

Para a reforma, a gestão Kassab pagou R$ 1,05 milhão e a Haddad, R$ 4,45 milhões. Segundo a assessoria de Kassab, “os trabalhos foram iniciados, com a realização de serviços de preparação e detalhamento para as intervenções contratadas, com desembolso correspondente às medições executadas”.

Em nota, a equipe de Haddad diz que considera que as obras foram realizadas e que não foi notificada sobre a autoria do Tribunal de Contas – que apontou uma série de irregularidades no serviço executado no viaduto.

Segundo a assessoria do ex-prefeito, a administração constatou riscos para a segurança do usuário no começo de 2014. “A secretaria, então, lançou mão daquele contrato da gestão anterior para realizar as reformas”.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *