Mais de 300 livros raros são furtados de biblioteca no Rio

Mais de 300 livros raros são furtados de biblioteca no Rio
Um inquérito foi aberto para investigar o desaparecimento das obras

04MAI2017| 9h09 - Livros Raros

Um furto raro foi registrado na Biblioteca Pedro Calmon, no Rio. Mais de 300 livros desapareceram do local, antiga Biblioteca Central da Universidade do Brasil, que pertence à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Um inquérito foi aberto para investigar o desaparecimento das obras.

De acordo com a corporação, os furtos aconteceram aos poucos, desde o ano passado. Apenas três publicações, das 303, foram recuperadas. As obras iam ser levadas por um intermediária para a Europa.

O articulador dos crime,p relatou o G1, pode ser Laéssio Rodrigues de Oliveira, de 44 anos. Ele já está na prisão e responde por outras infrações. A estimativa divulgada pela PF é que o suspeito teria lucro de R$ 500 mil a R$ 1 milhão.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *