Medicação usada na oncologia pode salvar fígado de quem sofreu overdose 

Medicação usada na oncologia pode salvar fígado de quem sofreu overdose
   O medicamento em estudo é apontado como mais eficaz em termos de proteção e analgésico

8:34 |ID News/LifeStyle|2018AGO08| 

Uma droga experimental pode ser a solução para prevenir os danos causados no fígado após uma overdose. Esta é a conclusão apontada por um grupo de investigadores que testaram o medicamento em questão em ratos de laboratório e obtiveram conclusões otimistas que permitem que os testes avancem para até chegar à fase de acontecerem em humanos e eventual permissão de utilização da droga.

Quando se sofre uma overdose (palavra inglesa que se traduz como sobredose ou dose excessiva), o organismo é exposto a uma grande quantidade de medicamentos que o deixam debilitado e eventualmente com uma intoxicação, sendo o fígado o primeiro órgão que sofre as consequências.

Em laboratório, ratos foram induzidos a uma overdose. Seguidamente, foi administrado um medicamento normalmente usado em doentes com câncer que permitiu que o fígado não fosse tão danificado, nem sofresse com excessivas dores, como aconteceu com os casos em que o medicamento não foi tomado.

Caso se confirme que a medicação atue da mesma maneira em humanos, esta pode ser uma forma de salvar inúmeras pessoas, evitando um transplante de fígado – até então única solução para muitos casos.

Com informações de Notícias ao Minuto

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *