Pichar ficou careta, o barato é fazer arte grafite

| IDNews |Théo Bratfisch

Projeto da USP Ribeirão Preto ao Dia Internacional dos Museus, em Araraquara abordará o exercício da cidadania na preservação do patrimônio público, histórico e cultural

 IDN/Araraquara

Em parceria entre a Universidade de São Paulo – USP Ribeirão Preto e a Associação de Bueno de Andrada para Cultura e Turismo Rural – ABATur, com apoio da Secretaria Municipal de Cultura e Gerência de Museus, será realizada a segunda edição do projeto científico ‘Fachadas do Tempo e Acervos Históricos’, no dia 18 de maio de 2019, comemorativo ao Dia Internacional dos Museus, a partir das 19 horas, no Museu Histórico e Pedagógico Voluntários da Pátria, na praça Pedro de Toledo, centro de Araraquara. O tema da ação noturna será a arqueologia e a paleontologia natural do município, representada no Museu de Arqueologia e Paleontologia de Araraquara – Museu MAPA. A programação cultural correlata ao projeto será divulgada em breve.

O projeto científico faz parte do Projeto para Museu-Arquivo-Biblioteca no Interior de São Paulo: Instituições na Projeção do Passado, desenvolvido e coordenado pela professora Silvia Maria do Espírito Santo, do curso de Ciências da Informação e da Documentação da Faculdade de Filosofia, Ciência e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) da USP, com apoio das bolsistas Sara Louise Caroni e Adriana Gastaldi, do Programa Unificado de Bolsas de Estudo para Estudantes de Graduação (PUB) da USP. A ação se realizada simultaneamente em cidades da região que participam do projeto.

            Em Araraquara, o exercício da cidadania na preservação do patrimônio público, histórico e cultural, será abordado com a divulgação da frase, ‘Pichar ficou carreta, o barato é fazer arte grafite’, a ser divulgada com hashtag (#) para que as pessoas possam identificar e acessar o conteúdo que será compartilhado nas redes sociais e o modo de participar.

            Na foto, o publicitário Théo Bratfisch, faz reparos sobre recente pichação no equipamento público cultural, que foi pintado em ação comunitária popular e apoio da Secretaria Municipal de Cultura, para a primeira edição do evento realizada em 2018.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor - Câmera -

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor - Câmera -

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *