Ponto de Cultura da Comunidade Surda em Araraquara

Ponto de Cultura da Comunidade Surda em Araraquara
A fundação IDIOMA SURDO tem por objetivo praticar e difundir estudos da Língua Brasileira de Sinais e da Língua Portuguesa com distribuição gratuita de aparelhos auditivos à população     

8.42| 21SET2016
Théo Bratfisch

A primeira reunião geral em assembleia fundacional para definir as finalidades estatutárias da fundação IDIOMA SURDO de Araraquara foi realizada no Plenário da Câmara Municipal com participação representativa de órgãos públicos e instituições privadas, em 14 de setembro e o Ponto de Cultura da Comunidade Surda que se estrutura organizacionalmente a que se destina, tem por objetivo praticar e difundir estudos da Língua Brasileira de Sinais – Libras e da Língua Portuguesa para promover a interação entre surdos, deficientes auditivos e ouvintes. Por finalidade, a IDIOMA SURDO vai auxiliar o Centro Regional de Reabilitação de Araraquara com prestação de serviços e suporte para aquisição de aparelhos auditivos a serem distribuídos gratuitamente à população regional. Atualmente, são distribuídos mil aparelhos auditivos ao ano através de convênio federal com o Centro de Reabilitação e a demanda regional ultrapassa dois anos na fila de espera.

A iniciativa da sociedade civil organizada com fundamental apoio institucional da Câmara Municipal faz parte da programação do “Setembro Azul 2016” comemorativo ao Dia Nacional do Surdo em 26 de Setembro, data em que será realizada uma reunião com empresários, membros das diretorias patronais dos setores de comércio, indústria e de serviços de Araraquara, quando será explicada a Lei Municipal de Acessibilidade dos Surdos que certifica o Selo Empresa Amiga do Surdo, que se refere a mecânica e a dinâmica da Lei com informações sobre a capacitação técnica em Libras à quem possa interessar o credenciamento para certificação de reconhecimento público municipal que se aplica às pessoas jurídicas de direito público e privado, empresas estabelecidas no município de Araraquara a serem destacadas em vitrine online para consulta pública pela população.

A exemplo para todo o país, a conquista da “Lei Municipal de Acessibilidade dos Surdos – Empresa Amiga do Surdo” se apresenta como meio de sensibilização para conscientização da sociedade civil sobre os direitos das pessoas com deficiência e com necessidades especiais, estendidos os direitos adquiridos e seus benefícios ao cuidador familiar parental, surdos e ouvintes que formam a Comunidade Surda da macrorregião de Araraquara, que abrange 24 municípios paulistas da região central e um público rotativo estimado em 30 mil pessoas, com base em pesquisas de dados oficiais levantados pelo publicitário Théo Bratfisch, porta-voz e coordenador voluntário para a instituição fundacional IDIOMA SURDO em Araraquara, que destaca às empresas o “nicho de mercado” com direito a atendimento especial e de qualidade, “mesmo porque os surdos e famílias que formam a comunidade surda também compram”, diz.

idnews-usa_portal

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *