Professora de creche incendiada não resiste; seis crianças morreram

Professora de creche incendiada não resiste; seis crianças morreram
Seis crianças morreram; número de feridos não foi divulgado

06OUT2017|  7:26 - Tragédia - Foto: @Reprodução TV Globo

Uma das professoras da creche de Janaúba, no Norte do Minas Gerais, que foi incendiada na manhã dessa quinta-feira (5), não resistiu aos ferimentos e morreu na noite de ontem. Helley Abreu Batista, de 43 anos, estava com 90% do corpo queimado após ter sido atingida pelas chamas. A morte foi confirmada por Ricardo Tolentino, diretor da Fundação Hospitalar de Janaúba, onde ela estava internada.

Várias crianças foram queimadas. O chefe da sala de imprensa do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, Pedro Aihara, confirmou que ao menos seis delas morreram.

O Hospital Regional de Janaúba informou que cerca de 40 pessoas deram entrada na unidade de saúde. Segundo o “UOL” com informações dos bombeiros, há ainda 24 feridos em estado grave, sendo 22 crianças e dois adultos.

O porteiro da escola, que teria pedido afastamento da unidade de ensino por problemas de saúde, é o principal suspeito de ter ateado fogo nas crianças, segundo os bombeiros. Ele também colocou fogo no próprio corpo, não resistiu aos ferimentos e morreu nesta quinta-feira.

Cerca de 50 alunos estavam no recreio no Centro Municipal de Educação Infantil Gente Inocente, no bairro Rio Novo. O homem teria premeditado o crime para matar as vítimas no dia em que completava três anos da morte do pai.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *