Propaganda realizada pela Prefeitura sobre projeto de lei levanta questionamentos 

Vereador Rafael de Angeli (PSDB) quer saber sobre uso da mídia para impulsionar informações sobre projeto apelidado de ‘IPTU dos Mortos’


O Projeto de Lei Complementar nº 3/2022 dispõe sobre a instalação, a organização e o funcionamento dos cemitérios e crematórios de Araraquara.

Recentemente, o primeiro secretário da Mesa Diretora do Legislativo, vereador Rafael de Angeli (PSDB), protocolou o Requerimento nº 497/2022, solicitando informações sobre os gastos com propaganda para divulgação do projeto em questão.

O parlamentar se refere ao projeto como “IPTU dos Mortos” e aponta para a sua grande repercussão na cidade. “Para tentar justificar o projeto, a Prefeitura tem realizado inserções em mídia e, além disso, vem impulsionando posts em suas redes sociais”, argumenta.

Angeli pede da Secretaria Municipal de Comunicação por uma planilha demonstrativa que contenha gastos totais, períodos e alcances de propagandas realizadas na divulgação do projeto.

O vereador também espera uma planilha com os meios de comunicação de veiculação utilizados, as quantidades de inserções e os valores pagos por cada inserção na campanha. O parlamentar ainda pergunta qual valor foi pago para os impulsionamentos nas redes sociais da Prefeitura.

Por fim, Angeli alega que foram utilizados nos vídeos alguns atores renomados, como Renata Sorrah, Ramón Valdés e Kayode Ewumi, e questiona como foi o processo para serem utilizadas as imagens desses artistas.

“Sobre gastos com propagandas, a Prefeitura deveria usar essas veiculações para explicar para a população sobre como proceder para a regulamentação dos jazigos e quais os reais valores, e não jogar a população contra os vereadores”, enfatiza Angeli.

| IDNews® | Brasil | Assessoria de Imprensa | Câmara Municipal de Araraquara

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.