Questionamento sobre falta de profissionais de limpeza em escolas municipais é respondido ao Legislativo 

Vereador Marcos Garrido (Patriota) requereu informações após receber denúncias de funcionários da rede de educação


Após receber denúncias de profissionais da rede pública de ensino em seu gabinete, o vereador Marcos Garrido (Patriota) protocolou, em setembro, o Requerimento nº 912/2021 junto Executivo, solicitando informações e documentos referentes aos protocolos sanitários de retorno às aulas presenciais estabelecidos, pois, de acordo com os relatos, há falta de funcionários para higienização e limpeza de ambientes.

Em resposta, enviada na quinta-feira (14), a Prefeitura informou que segue protocolos sanitários recentemente editados pelo Decreto nº 12.623/2021, publicado nos atos oficiais do município. Ainda de acordo com o Executivo, o documento dispõe sobre todas as regras referentes à limpeza e higienização dos espaços das escolas do município de Araraquara “que devem ser observadas por todos os profissionais que atuam nas escolas e prioritariamente pelos profissionais responsáveis pela limpeza das unidades escolares”.

A Prefeitura explicou que os profissionais de limpeza que atuam nas unidades escolares são divididos em três categorias diferenciadas: os terceirizados de limpeza, os profissionais terceirizados de zeladoria e os agentes operacionais que são servidores públicos concursados, totalizando 353 funcionários. “Reitero que não há falta de profissionais para a limpeza e a higienização das unidades escolares municipais”, afirmou a secretária municipal de Educação, Clélia Mara dos Santos.

Em relação ao contrato com a empresa que presta o serviço de limpeza e ao pagamento dos profissionais, foi informado que se encontra rescindido desde 7 de outubro. “Destaco que a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria Municipal da Educação, após o cumprimento dos bloqueios judiciais sofridos pela referida empresa, não mediu esforços para garantir que os pagamentos dos salários dos trabalhadores fossem realizados, tendo pago as trabalhadoras por meio de cheques endossados aos funcionários”, completou Clélia.

No documento, também foi esclarecido que a Prefeitura contratou outra empresa para a prestação dos serviços de limpeza e conservação nas unidades escolares de educação infantil, ensino fundamental e educação integral.

| IDNews® | Brasil | Assessoria de Imprensa | Câmara Municipal de Araraquara

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *