Rebelião na Casa de Custódia de Curitiba chega ao terceiro dia

Rebelião na Casa de Custódia de Curitiba chega ao terceiro dia
Quatro agentes são mantidos reféns, sendo que um deles está ferido

9:54 |PARANÁ | 2018JUL03 |

Casa de Custódia de Curitiba enfrenta uma rebelião pelo terceiro dia consecutivo. O motim começou por volta das 18h de domingo (1º). As negociações seriam retomadas na manhã desta terça-feira (3), mas não foi emitida confirmação oficial de um possível acordo.

De acordo com o G1, com informações do presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Paraná (Sindarspen), Ricardo Carvalho, quatro agentes carcerários são mantidos reféns, sendo que um deles foi ferido na testa. Um quinto homem chegou a ser rendido, mas foi liberado ainda na noite de domingo. Ele teve ferimentos leves.

“As negociações estão acontecendo, mas como os presos começaram a rebelião sem nenhuma liderança definida, estão perdidos. Eles, simplesmente, renderam os reféns e começaram o tumulto. Cada dia aparece um líder diferente”, afirma o presidente do Sindarspen.

Ainda e acordo com o site, aproximadamente 170 detentos estão rebelados. Eles pedem a transferência de alguns presos que estariam sofrendo ameaças de facções rivais. Segundo Carvalho, algumas transferências solicitadas já foram realizadas.

O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) está à frente das negociações.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *