STF determina prisão de ex-deputado Roberto Jefferson

STF determina prisão de ex-deputado Roberto Jefferson

O aliado do presidente Jair Bolsonaro é acusado de promover ataques às instituições democráticas


Nesta sexta-feira (13), a prisão preventiva do ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) foi determinada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes. O parlamentar é acusado de suposta participação em uma organização criminosa digital montada para ataques à democracia.

De acordo com informações do jornal ‘O Globo’, o pedido de prisão partiu da Polícia Federal, que detectou a atuação de Jefferson em uma espécie de milícia digital que tem feito ataques aos ministros do Supremo e às instituições.

Um novo inquérito foi aberto no STF após o arquivamento do inquérito dos atos antidemocráticos, para apurar uma organização criminosa digital.

Ainda de acordo com a publicação, a PF ainda não localizou Roberto Jefferson no endereço que constava na investigação. Em seu Twitter, o ex-deputado afirmou que a PF estava na casa de sua ex-mulher. “Vamos ver de onde parte essa canalhice”, afirmou na rede social.

| IDNews® |Via NMBR |Brasil| Rafael Damas

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.