Vereador propõe educação para o trânsito nas escolas da rede municipal de ensino

Vereador propõe educação para o trânsito nas escolas da rede municipal de ensino
Material didático é direcionado às várias fases da vida escolar e é disponibilizado gratuitamente para o município

7:23 |Assessoria de Imprensa | 2018JUL05  | 

A melhor fase da vida para aprender, formar valores e princípios, bases da personalidade, sem dúvida alguma, é a dos anos da primeira e segunda infância, favoráveis à absorção para se aprender coisas novas. E entre tantas coisas a aprender pode estar a educação para o trânsito. É um programa deste tipo que o vice-presidente da Câmara, vereador Tenente Santana (MDB), propõe para a rede municipal de ensino, em indicação enviada à Prefeitura, acompanhada, inclusive, de todo material didático. Ele considera também que o artigo 76 do Código de Trânsito Brasileiro prevê que esta formação deva ser promovida na pré-escola e nas escolas de 1º a 3º graus.

A proposta do parlamentar é referente ao Programa Educa, desenvolvido pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e o Observatório Nacional de Segurança Viária, com o objetivo de incluir na organização curricular das escolas brasileiras do ensino fundamental, abordagem de temas relacionados à mobilidade humana, com especial destaque à educação para o trânsito. Todo o material didático é gratuito e, com a demonstração de interesse por parte do município, é enviado sem custo para a administração.

Material destinado ao programa

O material didático é dividido em cinco etapas, considerando a evolução do conhecimento do aluno, em cada fase escolar. Há também o material equivalente destinado aos professores, além do referencial teórico, que apresenta as fundamentações e diretrizes do programa, além da orientação de como utilizar o material. “É um conteúdo de muita qualidade e que considera a mobilidade como um dos direitos fundamentais garantidos pela constituição”, aponta Santana.

Lesões e até mortes causadas por acidentes de trânsito aparecem sempre entre os primeiros lugares em todos os rankings sobre a saúde humana. Mudar esses índices é somente uma das propostas do Programa Educa. “Quando ouço um pai relatando que foi alertado pelo filho sobre seu comportamento no trânsito, mesmo que seja passar pelo semáforo no sinal amarelo, fico seguro de que este programa pode ter um resultado excelente em nossa cidade, pois é na fase mais jovem que o conhecimento impacta profundamente na maneira de viver e assimilar a realidade no futuro”, comenta o vereador.

Na rede municipal de ensino

Tenente Santana espera que a Prefeitura concorde em incluir a educação para o trânsito na grade das escolas da rede municipal de ensino, indo muito além das limitações das campanhas educativas ou das aulas exigidas para tirar CNH, considerando que os números alarmantes sobre acidentes e mortes no trânsito exigem ações mais intensas das autoridades. “A matéria sobre trânsito deve fazer parte do dia a dia dos alunos nas escolas, assim como o trânsito vai fazer parte da vida desses futuros adultos quando transitarem pelas vias públicas, seja a pé ou dirigindo seus veículos”, concluiu o vereador no documento enviado à administração municipal

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *