Brasileiros devem exigir renúncia de Temer, diz Joaquim Barbosa

Brasileiros devem exigir renúncia de Temer, diz Joaquim Barbosa
O ex-ministro do Supremo chama de “estarrecedoras” as delações do empresário Joesley Batista, da JBS

19MAI2017| 9h51 - EX-MINISTRO DO SUPREMO

O ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa disse nesta sexta-feira, 19, que os brasileiros devem se mobilizar para pedir a renúncia imediata do presidente Michel Temer.

“Não há outra saída: os brasileiros devem se mobilizar, ir para as ruas e reivindicar com força: a renúncia imediata de Michel Temer”, escreveu Barbosa em seu Twitter.

“Isoladamente, a notícia extraída de um inquérito criminal e veiculada há poucas semanas, de que o sr. Michel Temer usou o Palácio do Jaburu para pedir propina a um empresário seria um motivo forte o bastante para se desencadear um clamor pela sua renúncia”, continuou.

O ex-ministro do Supremo chama de “estarrecedoras” as delações do empresário Joesley Batista, da JBS, envolvendo o presidente. “São fatos gravíssimos”, avaliou Barbosa.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor - Câmera -

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor - Câmera -

Um comentário em “Brasileiros devem exigir renúncia de Temer, diz Joaquim Barbosa

  • 9 de junho de 2017 em 18:00
    Permalink

    O maior problema de ‘corrupção’ do Brasil é o formato do 5º constitucional. Este formato, previsto na Constituição Federal do Brasil/88, permite EXCLUSIVAMENTE ao Presidente da República escolher quem vai ocupar os cargos mais altos do JUDICIÁRIO…, como no caso deste ATUAL VERGONHOSO TSE (excluídos poucos da composição atual). Não podemos desistir do Brasil como muitos já o estão, pois, temos que escolher BEM os novos representantes em 2018 para mudarmos esse HORRÍVEL FORMATO DO 5º CONSTITUCIONAL. Oro a DEUS para que o ilustríssimo brasileiro Joaquim Barbosa saia CANDIDATO à Presidência da República.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *