Doze clubes se reúnem nesta quarta para tentar criar nova associação

Doze clubes se reúnem nesta quarta para tentar criar nova associação 
Participam Palmeiras, São Paulo, Corinthians, Santos, Internacional, Grêmio, Flamengo, Fluminense, Botafogo, Vasco, Atlético-MG e Cruzeiro. Foco é na Conmebol
9:58| 08/06/2016
Futebol no Brasil

Doze dos maiores clubes do Brasil vão se reunir nesta quarta-feira (8) para tentarem aprovar, enfim, a criação de uma nova associação. Eles se juntaram inicialmente para formar uma liga sul-americana, mas romperam com os times estrangeiros e agora querem dar continuidade em âmbito nacional.

O grupo já vem atuando por meio de um grupo de Whatsapp e alguns encontros. Até uma eleição eles já fizeram por meio do aplicativo de conversas online. Os participantes são: Palmeiras, São Paulo, Corinthians, Santos, Internacional, Grêmio, Flamengo, Fluminense, Botafogo, Vasco, Atlético-MG e Cruzeiro. Há, porém, um veto claro: nada de política dentro da associação.

Com este argumento, eles disseram não ao ex-presidente do Atlético-PR Mario Celso Petraglia, que foi vetado a participar por fazer oposição ao comando da CBF, se desgastando à frente da Primeira Liga.

O encontro desta quarta acontecerá na sede do time tricolor gaúcho, em Porto Alegre. “Nesta reunião de quarta vamos definir um estatuto, ver exatamente como a associação vai funcionar. É um momento de muita união desses clubes. Não queremos fazer campeonato, só queremos atuar em lutas que temos em comum. Neste primeiro momento, o foco maior é a parte da Libertadores. Mas há outros assuntos que vamos lutar”, afirmou Lásaro Cunha, diretor jurídico do Atlético-MG, ao Estadão.

Com a presença majoritária de advogados e diretores jurídicos, a ideia é inicialmente focar na Conmebol. As pautas vão desde melhorar o retorno financeiro na participação de torneios até mudança de regras, passando também pela busca de mais poder político na organização sul-americana.A união entre os 12 clubes começou com a lei de refinanciamento das dívidas, o Profut, e se intensificou com a tentativa de criação de uma liga sul-americana , que acabou não dando certo.

“É uma espécie de Clube dos 13, mas não exatamente com a mesma atuação, ao menos em princípio”, completou Cunha, do Atlético-MG. Com informações da Folhapress.

Noticias

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *