Escola da Família completará 13 anos do programa estadual

Escola da Família completará 13 anos do programa estadual  
Universitários voluntários garantem 100% de bolsa de estudos

O Programa Escola da Família foi criado agosto de 2003 pela Secretaria de Estado da Educação. Proporciona a abertura de escolas da Rede Estadual de Ensino, aos finais de semana, com o objetivo de criar uma cultura de paz, despertar potencialidades e ampliar os horizontes culturais de seus participantes e garante um espaço público que estimula a participação cidadã no desenvolvimento de atividades sociais, possibilita que a própria comunidade possa gerir-se e fomenta sua presença na construção e condução do Programa, aliando forças entre a sociedade civil e o Poder Público.

Reunindo profissionais da Educação, voluntários e universitários, o Programa oferece às comunidades paulistas atividades que possam contribuir para a inclusão social tendo como foco o respeito à pluralidade e a uma política de prevenção que concorra para uma qualidade de vida cada vez melhor. Atuando no campo da cidadania, o voluntariado aprofunda o compromisso de todos com a coletividade, fortalece as políticas públicas, contribui para ampliar as perspectivas de vida das comunidades, disseminando uma cultura de paz. Cada escola organiza as atividades dentro de quatro eixos: Esporte, Cultura, Saúde e Trabalho.

O Programa Escola da Família constitui-se como um espaço para o exercício da cidadania e uma possibilidade para a ampliação de horizontes culturais das comunidades. Por isso, tem o voluntariado como um de seus pilares, onde pessoas de diferentes idades, da comunidade ou de empresas se propõe realizar, por exemplo, cursos e oficinas, colaboram nas atividades administrativas, entre outras ações com autonomia para a realização de propostas.

Programa Bolsa Universidade

Milhares de universitários de todo o Estado de São Paulo dedicam hoje seus finais de semana ao Programa Escola da Família e, em contrapartida, têm seus estudos custeados por um dos maiores programas de concessão de bolsas de estudo do País, realizado em convênio com instituições particulares de Ensino Superior – o Programa Bolsa Universidade. Esses convênios garantem aos universitários 100% de gratuidade nos seus cursos em qualquer área do conhecimento, sendo 50% da mensalidade paga pelo Estado (limitada a um teto de R$ 500,00/mês renovável anualmente) e o restante financiado pela própria faculdade. Os universitários contemplados com a bolsa contribuem com seu empenho e dedicação para o crescimento da comunidade local e, quando formados, acrescentarão ao currículo uma preciosa experiência enriquecida por valores como a responsabilidade social e a participação comunitária.

A escola estadual do bairro Cecap tem apenas uma universitária no Programa que já contou com cinco estudantes voluntários e o mesmo ocorre em outras unidades escolares da rede de ensino em Araraquara, já que universitários desconhecem essa oportunidade como alternativa para custear estudos e poder estudar.

O publicitário Théo Bratfisch em voluntariado ao Programa Escola da Família do bairro Cecap em Araraquara com o professor e vice-diretor escolar Marcos Machado em fim de semana com atividades gratuitas de capoeira para crianças e adultos que aprovaram sua receita culinária de arroz-doce encorpado com gemas e leite condensado para a sobremesa junina

IDNews-Usa_Portal

 

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *