Vereador articula criação de clínica especializada em TDAH

Vereador articula criação de clínica especializada em TDAH
Com o nome de “Logos”, cujo significado é “sentido”, a clínica atuará no diagnóstico e tratamento do TDAH e …

26JUL2017|  7:00 - IMPRENSA CAM

Uma clínica especializada em Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade e outros transtornos, com serviços gratuitos à população, foi a proposta apresentada ao vereador Rafael de Angeli (PSDB) pelos profissionais Andreia Aparecida Veronezi, pedagoga e psicopedagoga, Larissa Leal Piccoli, estudante de Pedagogia, e Randal Alves dos Santos, psicólogo. A fim de auxiliar na concretização do projeto, o parlamentar articulou uma reunião entre os idealizadores e a secretária municipal de Saúde, Eliana Honain, nesta quarta-feira (19).

“Eles precisam de uma parceria com o poder público para realizar esse trabalho, que será de extrema importância para o nosso município. Por isso, organizei essa agenda”, destacou Angeli.

Com o nome de “Logos”, cujo significado é “sentido”, a clínica atuará no diagnóstico e tratamento do TDAH e outros transtornos, além de um trabalho de conscientização e informação para professores e familiares. “Muitas pessoas que sofrem desses transtornos são marginalizadas pela sociedade, principalmente por falta de conhecimento”, afirmou Andreia.

Outra iniciativa da instituição será a produção de materiais didáticos e teóricos sobre o assunto. “A ideia é ajudar no combate ao preconceito e no processo de aprendizagem dos pacientes”, destacou Larissa.

Para Eliana, a proposta é muito válida. “Temos muito interesse em atender essa comunidade. Buscarei meios de formalizar esse projeto através de parcerias, para que esse serviço seja oferecido à população da nossa cidade”.

Rafael de Angeli ficou responsável por articular outra reunião em agosto, para que a secretária de Saúde e os profissionais apresentem os resultados já alcançados em prol da concretização da clínica. “As estatísticas nos mostram que apenas cerca de 20% da população com TDAH é tratada no Brasil e ela atinge de 3 a 6% da população mundial, necessitando de um cuidado muito especial. Tenho certeza de que conseguiremos realizar esse trabalho com o apoio da Eliana e de outros parceiros”, concluiu o vereador.

Confira as fotos no Flickr da Câmara: https://flic.kr/s/aHskZGsPGU

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *