Apenas 4% do lixo coletado passa pela reciclagem em Araraquara

Apenas 4% do lixo coletado passa pela reciclagem em Araraquara
   E mesmo assim já proporciona muitos benefícios para o meio ambiente, além de gerar emprego e renda

8:37 |Assessoria de Imprensa | 2018JUL27  | 

Vereador Gerson da Farmácia participou de evento em cooperativa de reciclagem, onde esta e outras informações foram dadas

O vereador Gerson da Farmácia (MDB) acompanhou, na manha da quinta-feira (26), a visita de servidores municipais à Cooperativa Acácia, localizada no Jardim Altos dos Pinheiros III. A visitação faz parte de um curso oferecido pelo Departamento Autônomo de Água e Esgotos (Daae) sobre resíduos sólidos.

Em conversa com o biólogo Valter Luiz Iost Teodoro, Gerson da Farmácia tomou conhecimento de que apenas 4% do lixo do munícipio passa pela reciclagem. “A coleta seletiva não é o futuro, mas o presente. Temos que cuidar do nosso meio ambiente hoje para que daqui alguns anos tenhamos uma qualidade de vida melhor”, destacou.

O vereador ficou satisfeito com a visita e destacou a importância da cooperativa. “Apesar de somente 4% dos resíduos chegarem até aqui, ainda assim, isso já está contribuindo e muito para o ambiente. A população deve auxiliar nesse trabalho, separando e descartando de maneira correta o lixo”, falou.

Cooperando com a vida

A Cooperativa de Trabalho Acácia de Catadores, Coleta, Triagem e Beneficiamento de Materiais Recicláveis de Araraquara surgiu em 2001, por iniciativa de Helena Francisco da Silva, catadora de recicláveis do extinto lixão de Araraquara. Ao longo dos anos passou por diversas mudanças em sua estrutura e método de trabalho. Atualmente, está na lista das dez melhores cooperativas de recicláveis do Brasil e conta com pouco mais de 180 cooperados.

Segundo coordenador da Coleta Seletiva e Compostagem, João Roberto, a instituição passou a realizar em definitivo a coleta de recicláveis a partir de 2008. “Começou como um projeto piloto em 2006 e dois anos depois já estava coletando em quase todo munícipio”, afirmou.

A cooperada Vânia Oliveira apresentou as instalações da Acácia e relatou as dificuldades encontradas durante o trabalho dos coletores nas ruas. “Em determinados bairros, catadores avulsos e autônomos nos ameaçam para pegar o que recolhemos”, pontou.

Parte teórica

Gerson Farmácia ainda participou de uma palestra ministrada pelo gerente de resíduos sólidos do DAAE, Agamenon Brunetti Júnior, realizada no auditório do Daae. Dentre os assuntos abordados estavam o manejo de resíduos sólidos (orgânico e reciclável), de serviços de saúde (utensílios hospitalares), especiais (lâmpadas mercuriais, eletroeletrônicos e construção civil) e sobre a limpeza urbana e manutenção de áreas verdes.

Confira mais fotos no Flickr da Câmara: https://flic.kr/s/aHsmn9BCxe

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *