Em contraponto a Dilma, Temer revoga decreto de militares

Em contraponto a Dilma, Temer revoga decreto de militares
A iniciativa que delegou o poder ao Ministério da Defesa para promoção de oficiais ou transferência para a reserva causou desconforto nas Forças Armadas e criou um atrito com o setor militar na época
10:20| 01/07/2016
Presidência da República

Em uma tentativa de fazer um contraponto à presidente afastada Dilma Rousseff, o presidente interino, Michel Temer, revogará nesta sexta-feira (1º) decreto assinado pela petista em setembro que tirou dos comandantes militares a competência para edição de medidas relativas a pessoal militar.

A iniciativa que delegou o poder ao Ministério da Defesa para promoção de oficiais ou transferência para a reserva causou desconforto nas Forças Armadas e criou um atrito com o setor militar na época.

Para a cerimônia de revogação da iniciativa, promovida no gabinete presidencial, o presidente interino convidou os comandantes da Aeronáutica, Exército e Marinha.

Na época, o decreto estava parado na Casa Civil e causou surpresa ter sido assinado pela petista sem aviso prévio.

Segundo o decreto, as competências poderiam ser subdelegadas pelo ministro aos comandantes da Marinha, Exército e Aeronáutica. Com informações da Folhapress.

Noticias

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *