Adesão às manifestações será decisiva para o Governo

Adesão às manifestações será decisiva para o Governo, os protestos de hoje (13) definirão se o processo de impeachment será retomado ou não no Congresso Nacional

A grandeza da adesão aos protestos desse domingo (13) será decisivo para o Governo. A avaliação definirá se o processo de impeachment será retomado ou não no Congresso Nacional. Esse termômetro se deve à volta do andamento do pedido na Câmara na próxima quinta-feira.

De acordo com informações da Folha de S. Paulo, os partidos da base governistas (PMDB, PSD, PP, PR, PTB e PRB), que segue frágil, travam um grande debate sobre permanecer ou não com a presidente. As legendas totalizam 216 de 513 deputados, número decisivo para uma possível votação de impeachment.

Planalto, aliados e oposição já têm um diagnóstico de o desfecho, qualquer que seja, não passa de julho. Uma possibilidade de recuperação do Governo se daria caso Lula fosse para um Ministério. Segundo aliados, Lula espera os protestos para se decidir e pondera que pode aceitar o convite caso constate que sua presença é essencial para evitar a queda da petista.

Noticias

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor - Câmera -

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor - Câmera -

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *