Parque dos Trilhos ganha nova parceria para soluções de VLT

Parque dos Trilhos ganha nova parceria para soluções de VLT

| IDNews| Assessoria de Imprensa | Câmara Municipal de Araraquara |

IDN/Interior/Araraquara

Remodelar a área ocupada atualmente pelo pátio ferroviário do município é o principal objetivo do projeto Parque dos Trilhos, estudo encabeçado pelo vereador Elias Chediek (MDB) e com a participação da Prefeitura, universidades, entidades e população em geral. A fim de realizar um estudo para apresentar soluções de Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), representantes da Hyundai visitaram, na terça-feira (28), juntamente com o parlamentar, as possíveis estações de embarque previstas no projeto, além de participarem de uma reunião na Rumo Logística.

Segundo o gerente de Operações da Rumo, Rodrigo Verardino de Stéfani, “futuramente”, a empresa deixará de utilizar os trilhos localizados na região central do município, mas ainda não há data prevista para tal desocupação. “A renovação da concessão da malha deve acontecer no segundo semestre, o que nos permitirá traçar um cronograma.”

            De acordo com o engenheiro de Vendas da Hyundai, Alan Rafael Oliveira, a empresa precisa de dados sobre a malha ferroviária e entender sobre os planos de desocupação da área para realizar estudos que possibilitem a criação de soluções de VLT para a cidade. Após verificarem os locais onde poderão funcionar as futuras estações, os representantes da Hyundai se comprometeram a dar continuidade às análises e estudos.

“O VLT ligaria vários pontos da cidade, trazendo agilidade para a questão de mobilidade urbana, além de ser uma opção mais sustentável se comparada aos ônibus de transporte coletivo”, afirmou Chediek.

Também participaram da agenda o gerente Administrativo e Financeiro, Rodrigo Policarpo, e o coordenador de Qualidade, Marcelo Piveta, ambos da Hyundai.

Sobre o Parque dos Trilhos

 O projeto tem como principal objetivo requalificar a área atualmente ocupada pelo trecho da via férrea, pátio de manobras e manutenção a serem desativados, integrando a mesma ao tecido urbano da cidade e às áreas de fundo de vale do Córrego do Ouro e Pinheirinho, por meio da formação de um anel verde de aproximadamente 15 km de extensão, que proporcionará a continuidade e complementaridade dos serviços públicos, dos sistemas naturais e de lazer.

Além da preservação e recuperação das áreas de proteção ambiental, o projeto possibilitará a ampliação de espaços livres de uso público voltados a lazer, cultura, contemplação, turismo e prática de esportes, além de proporcionar melhorias no sistema de drenagem e na mobilidade urbana através de novas ligações com a Vila Xavier, implantação de ciclovias e do VLT.

About Beto Fortunato
Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Beto Fortunato

Jornalista - Diretor de TV - Editor -Cinegrafista - MTB: 44493-SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *